Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Apresentados

As espanholas - estão caras mas bem boas!

Não me recordo da primeira vez que comi no “31 da Armada”, no largo da Armada, a dois passos do Ministério dos Negócios Estrangeiros. Mas deve ter sido ainda em 1975, na descoberta que eu então fazia das paragens das redondezas onde poderia amesendar à hora de almoço, acabado de entrar na carreira diplomática.

A verdade é que ninguém chamava esse nome ao restaurante: era conhecido como “as espanholas”, provavelmente por ser propriedade ou gerido por senhoras daquela origem. Passei por ali, com pouca regularidade, nesses anos. Depois, só voltei muito a espaços, a penúltima vez das quais para jantar, num domingo, numa casa quase deserta. As memórias da comida das “espanholas” não são de molde a trazer-me lembranças notórias. Mas, podendo estar enganado e a ser influenciado pela vizinhança ibérica, creio que por lá havia umas Lulas à sevilhana. Mas isso foi há muitos anos.

Ontem passei por lá. Havia estacionamento e uma mesa “à fresca”, no belo 25 de abril que este ano nos saiu em boa r…

Mensagens mais recentes

Imagem

Algum Minho à mesa

Imagem

Lisboa - 70 mesas que perdi

Imagem

Alta “gastronomia”

Imagem

Três (ou bastantes mais!) notas em Lisboa

Imagem

Dos vinhos

Imagem

Quinta do Outeiro (Amarante)

Imagem

Trattoria (Lisboa)

Imagem

Quatro dias, cinco mesas

Imagem

O conceito

Imagem

Restaurante Laranjeira (Viana do Castelo)